20060927

Ir a Roma e ser o Papa



Luís Miguel Rocha esteve ontem em Roma na conhecida sala da Associazione della Stampa Estera in Italia para apresentar o seu livro "La Morte del Papa" e explicar aos jornalistas aí presentes toda a verdade sobre a morte do Papa João Paulo I.



Segundo o escritor português, João Paulo I foi assassinado na madrugada de 29 de Setembro de 1978, ao fim de 33 dias em funções. A sua morte foi resultado de uma conspiração interna no Vaticano devido a questões monetárias do Banco da Igreja.



O livro, cujas edições em espanhol e italiano chegam amanhã às livrarias, ao mesmo tempo da edição portuguesa, tem publicidade nos autocarros de Roma que vão em direcção à Praça de S. Pedro. A edição em Itália está a cargo da Cavallo di Ferro, a secção italiana da editora portuguesa Cavalo de Ferro. Esta é a mesma editora italiana de, por exemplo, "Equador", de Miguel Sousa Tavares.

Etiquetas:

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial