20060920

O Pacheco Pereira não é nada estúpido!

Pacheco Pereira escreveu o seguinte no Abrupto:

"'Ponham lá aí um cartaz a dizer que eu sou muito estúpido', é o que os que levam a sério o Loose Change, a começar pelos programadores da RTP que entraram agora num nível provocatório, estão a dizer. Quem acredita que um filme que afirma que nas Torres Gémeas houve uma explosão controlada e não se dá ao trabalho de explicar como é que foram colocados os milhares de cargas explosivas necessárias para o fazer sem ninguém dar por isso (dezenas de homens invisíveis, milhares de locais armadilhados, pelos vistos também invisíveis, centenas de horas de trabalho necessárias), e que nega que dois aviões foram 'caídos' sem se dar ao trabalho de explicar onde estão os passageiros que desapareceram sem deixar rastro (estão presos em Guantanamo? Foram levados para uma base secreta e fuzilados? Estão na estação espacial?) e outras mil e uma falsificações rudimentares, devia usar um badge a dizer que é estúpido. Podia até fazer-se uma versão politicamente correcta: 'eu ainda sou mais estúpido do que o Presidente Bush'. Ah! Claro que é também possível que os nefandos americanos tenham descoberto o segredo da invisibilidade, uns ecrãs de hipnose colectiva e máquinas para 'beam me up' e então está tudo explicado. E depois deram tudo isto ao Bin Laden.

O que se passa com o Loose Change mostra como o fanatismo político anti-americano leva à deterioração do pensamento. E é contagioso, tanto para as mentes simples como para as sofisticadas".

Ora, o Pacheco Pereira não é nada estúpido. Sendo assim, o que leva uma pessoa como ele a dizer isto? Precisamente por não ser estúpido, Pacheco Pereira sabe que não está "autorizado" a dizer o contrário...
Nós, que também não somos nada estúpidos, só devemos é ter pena dele... e perdoar-lhe a cobardia intelectual.

8 Comentários:

Blogger Kant disse...

Ha' coisas inegaveis, no documentario.

Eu perdo-o. ;)

20 setembro, 2006  
Blogger Bruaca disse...

Eu, que também não sou estúpida, só tenho a dizer que tenho pena do Pacheco Pereira.

20 setembro, 2006  
Blogger joshua disse...

Não dá para ter pena de um fantoche de tal envergadura e arrogância, exactamente como os seus donos...

20 setembro, 2006  
Anonymous Ric disse...

É presiso ser-se estupido!!

20 setembro, 2006  
Anonymous desbul disse...

Então e quando ele disse no prós e contras que não havia censura em relação às teorias da conspiração do 11/9 e do filme loose change,porque o filme estava disponível na internet e toda a gente podia ir vê-lo!Esquecendo-se que portugal é um dos países com a taxa mais baixa de utilização de internet e muitos nem sabem como a utilizar,ao contrário do senhor Pacheco Pereira.Um intelectual do calibre dele dizer uma coisa destas é duma falta de rigor enorme;para ele a única censura que há deve ser do género lápis azul praticada no tempo do Salazar.Sendo assim não sei como classificar o facto de em Portugal não terem feito eco das declarações de Charlie Sheen(onde este transmitia as suas dúvidas em relação à versão oficial)apesar de se tratar de uma pessoa famosa.Se isto não é censura então o que é?Talvez o Pacheco Pereira,sendo um iluminado e nós estando mergulhados no obscurantismo-porque qualquer pessoa que tenha dúvidas é obscura-tenha outro entendimento do que é censura ou não!

20 setembro, 2006  
Blogger UheccaGil disse...

Nem me vou dar ao trabalho de comentar. Ainda há quem lhe preste atenção??

21 setembro, 2006  
Anonymous ruizocas disse...

vim aqui para ver se o senhor já estava melhor fa sua gripe intelectual... acontece que constacto tratar-se de uma gripe das aves em especial das galinhas e não tem cura mesmo. Agora delira... pois delire para aí se isso o faz feliz. Já agora quem ía no avião não era a familia Bin Laden pois os Bins Ladadens tinham abandonado os states no dia 10 avisados pelo Bush em pessoa de que no dia seguinte as torres íam abaixo e que ía ser um incómodo para eles saír de barco do país pois os bilhetes para o ferry estavam muito caros. Mas quem ía afinal no dito avião? era o Bin Laden em pessoa. O próprio Bush fretou-lhe um avião para ele poder ter uma vista aérea panorâmica sobre o local da implosão. Consta que os engenheiros encarregados pela dita implosão já estão contratados para realizar mais implosões discretas.
Os meus respeitosos cumprimentos e se quiser mais conspirações é só avisar.

22 setembro, 2006  
Anonymous Ana Carvalho disse...

Há um termo para ti, Frederico, é "Patetinha".

Beijos,

Ana

26 setembro, 2006  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial