20080903

O jornalismo de Pilatos



O jornalismo de Pilatos não se compromete, nem informa. Divulga. Não importa que sejam 12 páginas a cinco colunas, muitas delas sem qualquer foto e contra todas as regras de uma boa comunicação. O importante é não fazer qualquer análise que possa comprometer os jornalistas. O jornalismo de Pilatos apresenta um documento jurídico sem qualquer contextualização nem decifra anexos que não podem ser consultados. Mas mostra o documento todo. Todinho. Não se pode dizer que escondeu informação, mesmo que ninguém tenha capacidade de conhecer todos os factos, que só são sobejamente conhecidos pelas partes intervenientes. Como o jornalismo de Pilates não quer confrontos com os poderosos, mas também não quer parecer que está a esconder algo do público (por medo da crítica), o jornalismo de Pilatos diz "Ecce Documentus!" e depois lava as mãos.

Etiquetas:

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial