20071101

O elo português do 11 de Março

O julgamento dos atentados de Madrid acabou sem que fosse apurado o cérebro do massacre que vitimou 191 pessoas a 11 de Março de 2004 (interessante número, esse, de 191, como que se o Universo da matemática nos estivesse a apontar o dedo para o 9 do 11).
Entre os 28 acusados foram absolvidos sete.
Entre os oito principais nomes implicados, apenas três foram condenados pelas mortes. Rabei Osman, mais conhecido como "Mohamed, O Egípcio", foi um dos que acabou por ser absolvido. O marroquino que colaborou com a polícia espanhola, Rafá Zouhier, foi condenado a 10 anos de prisão, pelo que se puder beneficiar da redução de metade da pena poderá sair em liberdade daqui a cinco anos.
O libanês que tinha documentos portugueses falsos, Mahmoud Slimane, foi condenado a três anos de prisão...

Etiquetas: , , , , , ,

1 Comentários:

Anonymous Anónimo disse...

it was not eta; it was not iraq (freedom endurance operation)

02 novembro, 2007  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial