20050917

Godot chegou...

David Shayler era um jovem britânico com alguma experiência no jornalismo quando um dia, no início dos anos 90, respondeu a um anúncio para emprego no "Independent" cujas letras gordas diziam apenas "Godot não vem".
O anunciante era o MI5, os serviços secretos britânicos.
David trabalhou no MI5 durante cinco anos, até que em Agosto de 1997 denunciou publicamente no "Daily Mail" algumas práticas ilegais dos serviços secretos britânicos. Entre uma das denúncias constava a tentativa de assassinato do líder líbio, Kadafi.
As denúncias de Shayler são pouco conhecidas em Portugal, mas isso até se entende: dias depois de terem sido feitas, morreu a princesa Diana em Paris e as notícias centraram-se no caso, funeral, etc...
Há dias, Shayler, a propósito do 11 de Setembro disse isto:...

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial