20070321

Vai lá Pacheco...

Pacheco Pereira foi candidato a uma câmara municipal (Loures) e perdeu.
Santana Lopes venceu duas eleições autárquicas, sendo que uma delas foi à Câmara de Lisboa, a mais importante do país.
Pacheco Pereira foi eurodeputado e deputado.
Santana Lopes foi eurodeputado, secretário de Estado, primeiro-ministro e agora é deputado.
Pacheco Pereira escreve num blog e em jornais.
Santana Lopes foi dono de um jornal.
Pacheco Pereira é culto e sabe os nomes todos das obras de arte, livros, e escreveu uma biografia do líder comunista Álvaro Cunhal.
Santana é mais culto do que a média geral do portugueses, enganou-se em casos que só nos fizeram rir e escreveu um livro sobre o tempo em que esteve à frente dos destinos de Portugal.
Pacheco Pereira é comentador político na televisão com António Lobo Xavier e Jorge Coelho num canal da televisão por cabo.
Santana Lopes já foi comentador político juntamente com o actual primeiro-ministro na RTP.
Perante tudo isto, por que será que Pacheco Pereira ainda acha que tem mais razão do que Santana Lopes?

Etiquetas: , , ,

2 Comentários:

Blogger Flávio Gonçalves disse...

Caro Fred, creio que Santana Lopes foi também director duma revista que eu li há quase uma dezena de anos, creio que dava pelo nome de "Política Pura" ou algo do género.

22 março, 2007  
Anonymous Anónimo disse...

Sim Flávio, para além de ter estado ligado ao semanário "Liberal" e à revista "Sábado" (não esta onde escreve o Pacheco, mas sim uma outra), Santana Lopes foi director da revista mensal "Política Mesmo", ou "PM"... acrescente-se ainda um outro dado ao texto do Frederico: Pacheco Pereira não tem nenhuma namorada gira que se lhe conheça. Santana Lopes já teve muitas!...

22 março, 2007  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial