20061106

Para os devidos efeitos...

... declaro que nada me move contra Miguel Sousa Tavares. Inclusive, foi graças a ele - e outros exemplo internacionais, como, por exemplo, Tintin e Spirou -, que nasceu a minha vontade de ser jornalista. Acho que fiz o trabalho que faltava e que não é minha intenção alimentar polémicas. Apenas transmitir informação válida. Ah, também já escrevi livros. Grandes livros, aliás. Não em tamanho, mas grandes na mesma...

1 Comentários:

Anonymous Sónia disse...

E que grande jornalista te tornaste! Que continues assim por muito tempo. E ele de certeza que sabe que não tens nada contra ele ... até és bom rapaz!

09 novembro, 2006  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial