20060425

Abril, 25

Achas mesmo que tens Liberdade?...

29 Comentários:

Blogger silvio disse...

a melhor forma de controlar-se o povo é dando-lhe a ilusão de que é livre.

É obvio que não temos liberdade, estamos numa ditadura disfarçada..
Mas se dissermos isto, a maioria da população irá rir de nós..
Coitados, não acordaram ainda do transe..:-)

25 abril, 2006  
Blogger Cruxe disse...

Não podes dizer que não há liberdade... afinal, antes do 25 de Abril não nos era possivel ter um blog e agora é....

ah! mas a isso não se chama liberdade, chama-se internet :)

Ok, pseudo-liberdade.

25 abril, 2006  
Blogger UheccaGil disse...

You tell me... do we?!

25 abril, 2006  
Anonymous ruizocas disse...

tenho liberdade para tentar faze-lo acreditar nisto?
http://video.google.com/videoplay?docid=-2991254740145858863&q=chacarron&pl=true

25 abril, 2006  
Blogger Bokarras disse...

Meu caro...

Queres um país mais livre do que este? Repara...
- Temos a liberdade de comprar árbitros com "fruta de dormir", comprar jogos de futebol com equipas "modestas", e podemos continuar, apesar disso, a ser presidentes de grandes clubes!
- Temos a liberdade de ser citados em horário nobre da televisão mais vista deste país, envolvidos no caso "Casa Pia" depois de termos sido ministros, e, porque o fomos podemos continuar a viver e a ganhar à custa do erário público absolvidos pela justiça que temos!
- Temos a liberdade, afinal, que conquistámos... ou tens dúvidas!?

25 abril, 2006  
Anonymous IBIS disse...

SIM.TEMOS LIBERDADE.

MAS,NÃO SOMOS LIVRES.

26 abril, 2006  
Blogger Basílio disse...

Sinceramente Frederico, isso questiona-se? É claro que nós temos “liberdade”, e nunca foi tanta como hoje!

- Tens a “liberdade” de ver uma comunicação social que funciona como um departamento de relações públicas dos partidos políticos e das grandes corporações;
- Tens a “liberdade” de nas eleições votar em quatro ou cinco tipos escolhidos meses antes durante reuniões do Bilderberg ou em sessões de troca de aventais na Maçonaria;
- E em breve vais ter a “liberdade” de deixar esses votos em máquinas electrónicas, tão boas que te corrigirão automaticamente o voto caso tenhas votado no candidato errado!

26 abril, 2006  
Blogger Bruaca disse...

Sim!!!

Liberdade!!!

Hoje, deixei o Armazém 6!!!!

26 abril, 2006  
Blogger aitb disse...

liberdade é ter a coragem de optar.. independentemente das consequências.. a liberdade exerce-se. As consequências acarretam-se.. ou não.. Somos livres? se calhar somos só covardes.

27 abril, 2006  
Blogger para mim disse...

Caro aitb, posso dizer que a sua opinião fez-me vir aqui de propósito para lhe dizer que gostei do que disse.

27 abril, 2006  
Blogger aitb disse...

eh.. (blushed) thanks.. ah.. e hum.. não.. sou "caro".. sou uma F.
Cumprimentos.

27 abril, 2006  
Anonymous ibis disse...

(aplausos)sim,pois,foi bonito essa troca de cumplicidade.Mas,tal como acima disse,,continuo a pensar q supostamente deve haver liberdade sim,mas NÃO somos livres.E embora me pareça que, embora o inverso tambem fosse aplicavel,se analisado sob o ponto de vista filosófico,digo que sob um ponto de vista mais pragmatico,minha cara amiga...você diz:coragem de optar?...independentemente das consequencias?...conseq. acarretam-se ou somos covardes?
Isso aplica-se ás escolhas pessoais(e ,e...!)porque volta e meia lá estamos nós embrulhados de novo em conspirações,Bilderbergs e outros que tais que fazem os trilhos sobre os quais nos movimentamos idiotamente, enquanto nos fazem crer que dominamos a situação, e até votamos e até só vamos se quisermos e blá e blá .

28 abril, 2006  
Anonymous ibis disse...

Desculpem lá mas agora estou mesmo aborrecido/a! O individuo não se basta a si mesmo.Agrupa-se.Ele assume(TEM liberdade)sobre o que faz,assume a consequencias,mas,agrupa-se.E desse agrupar nasceu a sociedadetal como a conhecemos, com leis,propositos,direitos e obrigações.Então aparece o que se designou por Democracia.Um conjunto de individuos aos quais se permite(por maioria)ter opoderde organizar e ptomar decisões em prol do todo.Ia?Até aqui tudo bem.
Mas embora seja de todos os sistemas o que melhor se apresenta,carece agora de vitalidade.Porque caiu em descrédito porque nos centrámos na nossa vidinha, bem confiantes e nos demitimos de participar!Mas continuamos todos a acharmo-nos Livres.E a achar que isto"está feito" e está de pedra e cal, enquanto nos esquecemos que a História está permanentemente a ser feita e que neste momento tomos todos o dever e obrigação de nos interrogarmos sobre, O que é a Democracia.Que democracia é esta em que assentamos neste momento?
E então ,sim...temos toda a liberdade de ponderar se o queremos ,ou que alteraçoes se poderiam operar(e mesmo assim é preciso mente aberta.não ter a "cabeça feita")
Reparem:só as centenas de informaçoes que nos invadem os sentidos de forma subliminar todo o santo dia ,dos os meses ,anos a fio, seria mais que suficiente parase considerarque:
NAO nao somos livres.
Bolas... Vamos a isso!Quando deixarmos de achar que somos ,encaramos a trite realidade deste século,e vamos á nova luta da História actual.Vai ter de começar por dentro,em cada um de nós,e a net será,quem sabe, o sitio de eleição para nos reagruparmos/alertarmos porque com o Big Brother no poder,não vai ser facil.
....desculpem lá a seca, mas tinha de ser.....

28 abril, 2006  
Anonymous ibis disse...

Desculpem lá mas agora estou mesmo aborrecido/a! O individuo não se basta a si mesmo.Agrupa-se.Ele assume(TEM liberdade)sobre o que faz,assume as consequencias,mas,agrupa-se.E desse agrupar nasceu a sociedade tal como a conhecemos, com leis,propositos,direitos e obrigações.Então aparece o que se designou por Democracia.Um conjunto de individuos aos quais se permite(por maioria)ter o poder de organizar e tomar decisões em prol do todo.Ia?Até aqui tudo bem.
Mas embora seja de todos os sistemas o que melhor se apresenta,carece agora de vitalidade.Porque caiu em descrédito porque nos centrámos na nossa vidinha, bem confiantes e nos demitimos de participar!Mas continuamos todos a acharmo-nos Livres.E a achar que isto"está feito" e está de pedra e cal, enquanto nos esquecemos que a História está permanentemente a ser feita e que neste momento tomos temos o dever e obrigação de nos interrogarmos sobre, O que é a Democracia?Que democracia é esta em que assentamos neste momento??
E então ...sim.Temos toda a liberdade de ponderar se o queremos ou, que alteraçoes se poderiam operar(e mesmo assim, é preciso mente aberta.não ter a "cabeça feita")
Reparem: só as centenas de informaçoes que nos invadem os sentidos de forma subliminar todo o santo dia , meses ,anos a fio, seria mais que suficiente para se considerar que:
NAO ,nao somos livres.
Bolas... Vamos a isso!Quando deixarmos de achar que Somos ,encaramos a trite realidade deste século,e vamos á nova luta da História actual.Vai ter de começar por dentro,em cada um de nós,e a net será,quem sabe, o sitio de eleição para nos reagruparmos/alertarmos porque com o Big Brother no poder,não vai ser facil.
....desculpem lá a seca, mas tinha de ser.....

28 abril, 2006  
Blogger UheccaGil disse...

Bem, devo dizer que não costumo elogiar muitas vezes, mas desta vez gostei. Me gusta! É isso ibis. É isso mesmo. MAS.... também a Madame aitb está certa. Muitos sabem isso mesmo que disseste mas não querem optar. Poucos são aqueles que, tendo libesdade para mudar as coisas, o fazem realmente. Estão os dois certos. E pronto. Falou e disse: se isto fosse tudo como o anúncio da coca-cola em q se deixou tudo pra montar um bar na praia... eh! e ainda gozam com as pessoas...

28 abril, 2006  
Anonymous IBIS disse...

(he.hee...)Ok...Ganhei o dia.Um elogio da UheccaGil não é para todos.Obrigad,sinto-me honrrado/a.
(mania esta de ñ definir o sexo!!!
É que evita-se esteriotipos,por incrivel que pareça!)
É IBIS e pronto.

28 abril, 2006  
Blogger aitb disse...

sr ou sra (?) well... whatever.. (eu arriscava sra ibis.. lol.. mas para não ferir mais susceptibilidades...) Qto à dita liberdade.. isso é um conceito individual.. eu sei o que é liberdade para mim.. espero q encontre a sua tb... Fiquem bem.

29 abril, 2006  
Anonymous IBIS disse...

Ora essa !
Fique á vontade.Não está a ferir suscetibilidade alguma.Pelo menos de minha parte.E ainda quanto á liberdadezinha, permitam-me ainda só mais uma palavrinha.Aqui o nosso amigo Duarte,que tanto deve suar para elaborar este blog(obrigad amigo),Tem aqui um pouco mais abaixo(ou acima...)um tema que não pode passar despercebido.Acerca de Israel.Vão ao site k ele aconselha:by Barry Chamish.
Depois continuamos a conversa sobre a Liberdade lá!!

29 abril, 2006  
Blogger para mim disse...

Senhoras ou senhores, tanto faz, desde que livres... Conforme disse Fernando Pessoa no seu conto "O Banquiero Anarquista", só é possível libertar uma pessoa no mundo: a si próprio. Por isso, cada um que tenha a liberdade de se libertar!

29 abril, 2006  
Blogger aitb disse...

lol.. exactly "para mim tanto faz".
:)

30 abril, 2006  
Anonymous IBIS disse...

Tanto faz nada,...#$%&"$.!!!
Para mim faz e muito!Isto é mesmo conversa de Ocidentais bem nutridos!
Discutimos o conceito de liberdade,E em Darfur (por ex.)morrem que nem cães.São só 500 por dia.E o que é que os nossos politicos fazem?E o que é que nós fazemos?O k diz Bush, o k é?
Já k Pessoa tinha razão(cada um que tenha liberdade de se libertar a si próprio)vamos usar a que nos resta e fazer alguma pressão,ok?

Comecem por escrever apenas:DARFUR. e vão ver o carradão de sites k aparecem.Depois é só chocarem-se.SE isto vos importa para alguma coisa durante um feriado.(É que para eles não vai haver !!)

30 abril, 2006  
Blogger aitb disse...

ibis.. para q fike claro de uma vez por todas: dei a minha opinião.. dê-lhe a interpretação q kiser... rotule-me como kiser pk de facto isso sim: para mim tanto faz o q kiser pensar de mim. Não vou ficar aki a gastar tempo com teorias e mal entendidos.. é mto fácil, falar e falar e indignar-se.. mas mtas vezes kem mais protesta é kem menos se mobiliza para mudar e melhorar o mundo em q vivemos.. lamento o q se passa em darfur.. infelizmente há mtos casos semelhantes q ficam aqui por citar.. a violação dos direitos humanos é uma constante e não está restrita a geografias: não ocorre apenas o no país X ou Y. É uma pandemia. Ibis, o que já fez para combater essa pandemia no seu perímetro imediato? De que servem as palavras sem acção? Protestar sem fazer nada só serve pa alimentar o ego e fazer as pessoas sentirem-se bem consigo próprias... mas pelo q vou vendo continuam sempre no mesmo marasmo. E sim.. vou aproveitar o 1 de maio para descansar. É q eu não preciso de ir a Darfur para todos os dias conviver com o limite da dor humana.. e como todos os dias tento mudar e melhorar o q está ao MEU ALCANCE, i really need a break. Fiquem bem.

30 abril, 2006  
Anonymous IBIS disse...

Cara aitb, feri a sua suscetibilidade? :)
Nao foi minha intenção, nem me dirigia a si em particular.A sério.
Só pretendi abanar um pouco as mentes.Ás vezes ficam dormentes,sabe?
Já vi que não é o seu caso.(e partilho a sua opinião)
Bom descansso.Certamente que o mereceu.

30 abril, 2006  
Blogger silvio disse...

"somos livres dentro das nossas limitações"

Eles sabem como cortar-nos as asinhas.
basta subirem preço da luz, água, gasolina, prestação habitação, e ficamos logo aflitos sem dinheiro, endividados.
isso é ser livre?

hmmmm

01 maio, 2006  
Blogger UheccaGil disse...

O conceito liberdade já foi tantas vezes discutido e chega-se sempre à mesma conclusão: é diferente para cada pessoa. Com isto tudo quase que se podia formar um clube de filosofia, não?

03 maio, 2006  
Anonymous IBIS disse...

Oh meuszamigos...era pa não dizer mais nada no que consta ao tema,mas ainda assim:
Há uma coisa que se estuda em Psi.(entre outras áreas do saber)que se chama "Piramide de Masllow":
O Homem desenvolve-se desde a base desta, sendo a base a plena satifação das necessidades elementares(paparoca a saber).E só passa á fase seguinte(ambição pessoal ,profissional,liberdades e outros prazeres mais subtis) depois de satisfeitas as anteriores.

03 maio, 2006  
Anonymous IBIS disse...

ha .E ´so pa concluir o raciocínio:não é porque não se tem $$ pa fazer face a determinados gastos que se está com falta do essencial.Porque gente há (demais pa mau gosto) a queixar-se e com o TMovél topo de gama !,mais o pópó que papai comprou !, e a casinha que mamãe ajudou !,e vários créditos pa roupita de marca k já não sabem em que ponto vai os juros...E são (cá está)uns infelizes.
32anos depois do 25-abril muita coisa foi adquirida.E assim é que deve ser,mas...A malta esquece que so ha direitos adquiridos enquanto se Pode adquiri-los,de facto.
e agora largar o TM um pouquinho ou ir a pé beber a bica!!Tá bem tá.
E depois é toda aquela geração de pais sofridos que quizeram por força que o filhote fosse DR. ! Desempregado,que se lixe .É o pais k tá mal.Mas o meu filho é DR. tá ver?
E agora anda pa ki tudo a roer as unhas.
Se há uma convulsão mundial,se o pais anda mal governado, como querem manter os mesmos "direitos"(e não me refiro á liberdade)?E depois...
é o sentimento de pobreza interior que me aterroriza!!
bem .bem, fico-me por aqui.Começo a dissertar e sõo sempre grandes comentários.Não é minha intençao.Prometo emendar-me.O pessoal não costuma gostar mt de ler(infelizmente).

03 maio, 2006  
Blogger UheccaGil disse...

Psicossociologia das Organizações... sei. Mas essa pirâmide refere-se aos trabalhadores, no local de trabalho, não no dia a dia normal. Para isso recomendo Alain de Boton, A Ansiedade do Status.
Tudo o que disse foi sobre bens materiais, dinheiro. A minha ideia de Liberdade é espiritual.
Com os livros ao preço a que estão e as traduções tão mal feitas, até eu já não ando a gostar de ler...

03 maio, 2006  
Anonymous IBIS disse...

Pirâmide de Maslow : Psicologia Humanista:classifica hierarquicamente as necesidades e as motivaçoes fundamentais.

Tem 5 patamares sendo o 1, o topo da piramide e o 5, a tal base.

5-precisamos satisfazer necessidades orgânicas primeiro(fome,sede,oxigenio,etc.)Em algumas sociedades estas necessidades basicas não são satisfeitas, não se passando nunca para o nível seguinte!)

4-se estiverem asseguradas, passa o individuo para o nivel 4, que tem a ver com a segurança,as ameaças,e a ansiedade corporal que se sente desde logo no colo da mãe.ex:a criança presisa de paparoca e so depois se "preocupa" com nivel de segurança ao colo da mãe.

3-se essa necessidade for preenchida, passa a haver a necessidade de pertencer a algo,a um lugar ,um grupo.Ser-se aceite e amado.É a convivencia com os outros.

2-Se no nivel anterior queremos ser aceites como somos,aqui procuramos já assumir um estatuto que seja apreciado pela competencia.Queremos aprovação,reconhecimento.Tornamo-nos auto-confiantes.

1-Auto-realização.Se formos auto-confiantes, podemos então encarar problemas,assumir iniciativas,ter êxito,SER LIVRES.

---O homem tem permissão p/ ser livre o que implica responsabilidade.É a meta mais elevada da sua natureza.Quando estas capacidades despertam e se desenvolvem em tarefas, o homem atinge o êxito,a realização pessoal.
---NOTA:as necessidade de 1 nivel tem que ser satisfeitas para que o seguinte seja então determinante na accão.
---Agora vejam o quão longe uma sociedade está de outra(mais desenvol.)E o quão longe um individuo está de outrém mesmo na busca de liberdade.

03 maio, 2006  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial