20050509

Adeus ao homem que escreveu "filhos da puta"

Não posso dizer que tivesse conhecido pessoalmente o Jorge Perestrelo, mas costumava-o ver e cheguei a trocar algumas palavras com ele na redacção do "24 Horas", onde ele tinha uma crónica semanal. Contudo, tive o prazer de trabalhar com alguém que, esse sim, conhecia o Jorge e era seu amigo. Trabalhei algum tempo com Carlos Narciso, enquanto ele foi director do novo projecto de uma revista no grupo Impala.
Foi pois o Jorge o único jornalista português que teve coragem de escrever "filhos da puta" quando o Carlos Narciso foi despedido...

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial