20060224

Não foi difícil

Não. Não acho que a fase final da "Herança" seja assim tão difícil. Esta, por exemplo, ao fim das três primeiras pistas já tinha quase a certeza.


3 Comentários:

Anonymous Anónimo disse...

És muito bom

24 fevereiro, 2006  
Blogger para mim disse...

Tens piada... Sim, por acaso é verdade, sem falsas modéstias: sou mesmo muito bom. Mas isso só acontece porque conheço pessoas que também são muito, muito boas. Algumas até são melhores do que eu, vê lá tu! Também não creio que seja muito diferente ti ou de muita gente que não conheça nesta vida... Aquilo que me pode separar de outros é o interesse que tenho em querer saber sempre mais sobre o mundo onde vivo. Vou-te, aliás, explicar o meu raciocínio para resolver aquilo: O "24" é imediatamente associado à série de televisão. Mas podia ser outra coisa... Depois, quando vi "Sherlock Holmes", fez-se-me uma luzinha e pensei imediatamente no Joaquim de Almeida, que participa na série "24" e que fez de "Sherlock Holmes" no filme "O Xangô de Backer Street". E, agora digo-te porque sei isto: nunca tive a oportunidade de ver o raio do filme!!!! Ando há que tempos para o ver... O resto, a partir daqui, foi fácil e igualmente lógico... Não me sinto, portanto, diferente de muitos que por aí andam. A única diferença é que uso a cabeça. E com isto não quero "bater" naquele concorrente que falhou. Eu também sei o que custa estar em estúdio, com a atenção centrada em nós e um relógio a correr. Acredita que é bem diferente do que estar no conforto de nossa casa. Mas, de qualquer modo, obrigado pelo reconhecimento.

24 fevereiro, 2006  
Anonymous Anónimo disse...

Ora essa, sempre que precisares

24 fevereiro, 2006  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial