20040623

Por uma nova bandeira...

Proponho que se comece a lançar uma discussão nacional em torno da criação de uma nova bandeira nacional.
No dia 19 de Junho de 2011, daqui a 7 anos, a nossa bandeira fará 100 anos. É essa uma boa altura para ser apresentada uma nova bandeira.
Regressar às cores originais do azul e branco, por exemplo, não é, na minha opinião, um regresso à monarquia, nem sequer pode significar mais uma vitória do clube de Pinto da Costa (por favor, vamos ser inteligentes nos argumentos para a verdadeira discussão).
O regresso ao azul e branco colocar-nos-ia mais próximos das cores do céu e do seu reflexo no mar. Misturar com as actuais cores é a melhor forma de encarar o futuro do País.
O vermelho da bandeira não é a cor de um povo "de brandos costumes". E ninguém gosta de verter sangue.
Não digo ainda que o encarnado deveria desaparecer. Mas, agora reparem na bandeira que têm nas janelas e, finalmente, constatem de uma vez por todas se é ou não verdade que há mais sangue nela do que a verdadeira cor verde da esperança?
É esta ou não uma boa altura para se começar a pensar em mudar de bandeira?
Quem está comigo?

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial