20100703

"Estado de Segredos" no "Expresso"

A edição de hoje da revista "Actual" do semanário "Expresso" - propriedade de Pinto Balsemão, membro permanente do Grupo Bilderberg - publica uma crítica ao meu mais recente livro, "Estado de Segredos"...



Algumas ressalvas: Não "sugiro" que o grupo Bilderberg tenha estado "envolvido" na eleição de Durão Barroso como primeiro-ministro em 2002. Refiro, isso sim, que o Grupo Bilderberg esteve bastante activo durante a demissão de Durão Barroso como primeiro-ministro, em 2004, e a consequente tomada de poder do actual primeiro-ministro, José Sócrates. Também, não fui eu quem "ligou" o dito clube aos indícios de pedofilia sobre Ferro Rodrigues. Sobre este assunto, apenas constatei que o livro de Daniel Estulin menciona isso na edição original em espanhol e omite-o na versão portuguesa. Quanto ao facto da leitura dos factos ser especulativa, isso é uma opinião pessoal do autor da crítica que, obviamente por falta de espaço, não conseguiu justificar ou apontar exemplos. Já sobre a opinião de que o livro deve ser lido "com distanciamento e reserva", regista a coerência da observação, pois é exactamente assim que costumo ler o "Expresso" todas as semanas. Mas, no geral, é um dado bastante positivo e significativo que tenha sido publicada esta crítica.

Etiquetas: , , ,

10 Comentários:

Blogger Karocha disse...

AHAHAHAHAHAHAHAH!!!

03 julho, 2010  
Blogger astroquack disse...

Tenha cuidado, pois as verdades fazem-lhes dói-dói, e eles podem quer limpar o sebo a quem os aleija...esses cabrões todos poderosos!

03 julho, 2010  
Blogger Karocha disse...

http://infamias-karocha.blogspot.com/

03 julho, 2010  
Anonymous anarquista colectivista disse...

Pelo que leio fico na dúvida se chega a ser referida por si alguma ligação entre este clube e o escândalo de pedofilia em si... Coisa que não leio na edição em castelhano (nem na edição brasileira) do livro do Daniel Estulin. Irei espreitar a cópia que um amigo meu comprou do seu livro para ler o que é dito exactamente.
Mas, já agora, aqui vão entretanto umas ligações de que eu próprio sei.
Dedicadas ao dono da fábrica do mencionado rolo de papel higiénico (daqueles grandes que têm no início uma palavra que começa por "E" e acaba num "O"), também responsável pelo desaparecimento das bancas portuguesas da primeira versão do livro do Daniel Estulin.
Joseph Rettinger, fundador do Clube Bilderberg, disse Estulin, não me recordo exactamente onde, era um pedófilo. O Bush pai, diz este autor na sua página web, é pedófilo. Gordon Brown e Henry Kissinger, diz Bob Chapman, ex-agente dos serviços secretos norte-americanos, são pedófilos. E se consultarem as notícias mais antigas publicadas no sítio do Daniel Estulin poderão ver que pedofilia não é algo de propriamente incomum entre meios diplomáticos.
É este o tipo de gente que o proprietário do mencionado "Expresso" alegremente convida todos os anos para uns brindes. Que nos diz isso em relação a este último? "Micael Pereira": porque não escreve você sobre isto?
Escumalha Bilderberg, como eu gostava um dia de vos ver acontecer o mesmo que ao Carlos Cruz e companhia.

04 julho, 2010  
Blogger CN disse...

o que é preciso é que falem de ti e do livro, mesmo que seja a dizer mal.
mas é até estranho que isto tenha sido publicado nesse jornal. o velho deve estar doente... e desatento...

04 julho, 2010  
Blogger Karocha disse...

CN

Essa foi boa LoooLLL

04 julho, 2010  
Anonymous anarquista colectivista disse...

Uma emenda.
A referida marca de papel higiénico é vendida em pacotes e não em rolos. Por isso, onde está "Dedicadas ao dono da fábrica do mencionado rolo de papel higiénico" deveria estar "Dedicadas ao dono da fábrica dos mencionados pacotes de papel higiénico".
Lamento o lapso, mas estava já cheio de sono, e com uma directa em cima, quando escrevi o texto.
E lamento também se estou a ser grosseiro, mas não encontro melhor termo para descrever as tiras de papel, que se vendem por este País fora, decoradas por grupos de gente estúpida, cobarde e mentirosa que entendo serem a maioria da dita classe jornalística.

05 julho, 2010  
Anonymous Anónimo disse...

O jornalista do "Expresso" tem o mesmo nome do filho do Tony Carreira!!

05 julho, 2010  
Anonymous JAC disse...

Raios. Ainda não consegui encontrar o livro.
De quem é a culpa? Será do Editor ou dos Livreiros que só estão interessados no que está antecipadamente vendido?

06 julho, 2010  
Anonymous anarquista colectivista disse...

http://www.tvi24.iol.pt/sociedade/casa-pia-aluno-livro-rede-pedofilia-tvi24--/1211253-4071.html
http://www.prisonplanet.com/articles/july2004/210704johndecamp.htm
http://www.archive.org/details/TheFranklinCover-up

30 novembro, 2010  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial