20060131

"Então, e o atentado, pá?!"

A manhã de 31 de Janeiro de 2006 em Lisboa está a terminar e não houve atentado. E já recebi várias mensagens a perguntar-me pelo atentado, dando-me conta de que sou um reles alarmista e, afinal, nem uma explosãozita de conduta de gás ou água, nem nada. Apenas os acidentes de trânsito no caminho do trabalho, nada mais.
Como se eu fosse ficar contente se tivesse havido o atentado...
Não, meus senhores. Se não houve atentado hoje, essa até é a melhor prova de que não são terroristas que provocam atentados e que, na minha modesta opinião, muitos deles são planeados por forças de dentro do regime... Digo isto porque hoje Lisboa está em alerta máximo de segurança, uma vez que o senhor Bill Gates, que tem 200 vezes mais dinheiro do que o prémio do próximo euromilhões, está a falar num hotel e logo à tarde vai receber uma medalhinha em Belém. Ora, não iam querer estragar a festa ao senhor Presidente da República, tanto mais quando ele está de saída, pois não?!
Se realmente existissem terroristas daqueles que colocam bombas nos comboios ou no metro, digam lá se hoje não era o dia ideal para isso acontecer? A CNN diria mesmo: "Bill Gates sobrevive a atentado em Portugal"! Era o nosso momento de glória, malta! Por isso, sim, só por isso posso dizer que é mesmo uma pena que não tenha havido hoje um atentado em Lisboa. Passaria a acreditar na tese oficial de que os terroristas é que são os maus da fita...
Mas, olhem que amanhã o Bill Gates ainda vai estar por cá. E amanhã, quarta-feira, não é um mau dia. Sem esquecer quinta-feira, outro dia militarmente propício para o tal atentado e que, se estão recordados, é o 2/2... Mas, sinceramente, acho que Portugal não tem mesmo importância para atentados como os de Espanha e Inglaterra, pois golpes de Estado e atentados aos direitos dos cidadãos há-os todos os dias e, pior do que tudo, estamos cada vez mais habituados a eles que perdemos a força para os combater. Até ao dia em que algo rebentar em Lisboa... até esse dia...

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial